Jorge Jesus: "Triste pelo resultado, não pela exibição"

Jorge Jesus:

Mas foram duas grandes equipas, um grande jogo, no final não conta se merecemos ou não. O treinador do Sporting considera que, apesar da derrota, a sua equipa foi melhor e disse estar "triste pelo resultado, mas não pela exibição".

Se na primeira parte apesar do ascendente do FC do Porto se assistiu a uma repartição de posse de bola, na segunda metade o Sporting cresceu, e ganharia nesse campo com 39/61, que também lhe proporcionaram uns 55% no total do jogo. "Não fomos eficazes nas oportunidades que criámos, não é facil criar estas oportunidades no Dragão, mas a realidade é que não conseguimos concretizar.", começou por explicar o treinador.

O Sporting fez um excelente jogo, fez com que aparecesse mais um jovem que ainda é junior - atenção que o Leão ainda é júnior - e deu bons sinais. O Sporting esteve muito bem, fez um excelente jogo. Tivemos três oportunidades flagrantes.

Jorge Jesus comentou ainda que "as três substituições acrescentaram mais ao Sporting", mas faltou o essencial: marcar. "Ficámos numa situação mais difícil".

More news: Policiamento em rodovias de SP, MG e ES será intensificado

Bryan Ruiz entrou pelo centro e isolou o jovem de 18 anos, que ganhou em velocidade aos centrais portistas e, na cara do veterano Casillas, de 36, colocou-lhe a bola entre as pernas, fazendo a inesperada igualdade com que se chegou ao intervalo. Marcano. A cruzamento de Herrera, o central espanhol subiu mais alto que toda a gente e cabeceou para o fundo da baliza dos leões, inaugurando assim o marcador e adiantando-se a um Sporting que, entretanto, tinha reequilibrado a partida em matéria de oportunidades de golo, principalmente por Doumbia, que voltou a não ser feliz no momento da finalização.

"São jogadores que têm trinta e tal golos, mas não é importante porque a equipa esteve muito bem".

Para além disso, a equipa de Sérgio Conceição quer manter o seu registo de invencibilidade em provas nacionais; os dragões são das poucas equipas europeias que se podem gabar de tal registo, tendo apenas sofrido desaires na Liga dos Campeões. Há 27 pontos em disputa. Há um apuramento para a Champions e não só. Ganhámos mais um jogador, não me vou cansar de dizer isto. No próximo jogo já vamos ter o Gelson, em relação ao Bas Dost não sei.

Related Articles