Moro quer que Lula diga se tem os recibos

Moro quer que Lula diga se tem os recibos

Cristiano Zanin Martins, defensor de Lula, também diz que pediu a Moro "por cautela e se possível, que seja designada audiência formal para entrega desses documentos com a presença de perito ou de serventuário habilitado que possa constatar o estado do material nesse momento (ausência de rasuras, etc)". Intime-se a Defesa de Luiz Inácio Lula do presente incidente, para manifestação em cinco dias e igualmente para esclarecer se tem provas a requerer quanto ao incidente.

De acordo com a denúncia, o imóvel foi comprado por Glaucos da Costamarques, a pedido do pecuarista José Carlos Bumlai, amigo de Lula. A defesa de Lula enviou à Justiça 26 recibos de aluguel com o objetivo de comprovar os pagamentos.

Além da declaração, a defesa do ex-presidente informou a Moro ter 'vias originais de todos os documentos já apresentados, além de outros 6 recibos de 2011 que também foram localizados, que serão apresentados para possam, se o caso, serem submetidos à perícia'.

A força-tarefa da Lava Jato diz que Lula recebeu propina da Odebrecht por meio do apartamento atribuído a Glaucos, vizinho à cobertura do petista em São Bernardo, e pela aquisição do terreno que serviria de sede para o Instituto Lula. O empresário, primo de José Carlos Bumlai, é acusado de ser laranja do ex-presidente. Os investigadores da Lava-Jato alegam desconfiança da planilha porque no documento estão lançadas contas da casa, além de valores referente a IPTU, sem constar, porém, qualquer referência a depósitos de aluguel.

More news: Microsoft abandona de vez o Windows Phone

"Identificamos nos documentos ora anexados, 3 registros de visitas realizadas por João Muniz Leite, uma visita ocorrida no dia 3 de dezembro de 2015 e duas visitas ocorridas no dia 4 de dezembro de 2015", afirma o ofício, que ressalta que não encontrou registros de visitas de Roberto Teixeira a Glaucos.

"Eu sei que eu tô lascado, todo dia tem um processo".

Segundo Leite, ele teria prestado serviços contábeis a Glaucos da Costamarques de 2010 a 2015 e, durante esse período, o assessorou na elaboração do seu imposto de renda e na emissão de guias para recolhimento de impostos, incluindo os recibos de aluguéis de um apartamento para a ex-primeira-dama Marisa Letícia, já falecida. Glaucos de alguns assuntos, inclusivo dos recibos de aluguéis. "Logo, o fato de a Polícia Federal não haver feito a apreensão do contrato de locação e dos recibos apresentados pela defesa no dia 25/09 decorre do fato de o imóvel não ser objeto de investigação naquela oportunidade, o que somente veio a ocorrer em 15/03/2017", ponderou a defesa de Lula. Para a defesa, os recibos tem validade de prova de pagamento com base no Código Civil (artigo 319).

Related Articles